quinta-feira, 2 de junho de 2011

Ensino da Gramática




Acredito que as pessoas precisam estudar mais e chutar menos suas opiniões.

Precisam pensar no porquê da norma culta.

Precisam se desligar de algumas interpretações prontas, populistas e viciadas que fazem da linguística.

Precisam trabalhar o ensino da língua-mãe como algo mais profissional e menos partidário ou panfletário.

A escola é lugar para diminuir preconceito e só diminuímos preconceito quando aumentamos repertório do aluno.

E aumentar repertório do aluno é exatamente ensinar a língua culta, não aquela que ele já aprendeu com a própria mãe.

É preferível, a dizer ao aluno de escola pública que o jeito que ele fala no dia a dia não é vergonhoso, fazer com que a vida dele não seja vergonhosa.

Dar-lhe uma escola decente, em que os professores não faltem, em que os professores respeitem a si mesmos, aos colegas, a opiniões diferentes das deles, à comunidade, ao aluno.

Que problema há em quem gosta de parnasianismo?

Que problema há em quem acha bonito Camões?

Que problema há em quem se dispõe a fazer concordância num texto longo para ser mais claro a seu leitor?

O problema está exatamente em muitos professores de português, que falam mal da gramática normativa sem terem estudado a gramática normativa, sem a conhecerem a fundo para realmente constatarem que ela não ajuda na educação.

“É espantoso, mas a maioria dos professores de português não domina a gramática, não detém boa cultura geral e quase não lê os clássicos, como faziam os antigos mestres” (Bechara)

Experimentem...

Estudem...

Vejam a alegria dos alunos ao terem uma aula bem dada de verbos e perceberem que podem compreender um soneto escrito em 1500 e ampliar seus horizontes.

Respeitando também os demais poetas modernos.

A gramática normativa é uma pedra no sapato do professor de português preguiçoso, por isso que muitos querem tirá-la do currículo.

Aquela velha história:

Quando é fácil, todo mundo fica feliz.

Quando fica difícil, vem sempre alguém que diz:

- Por que que eu tenho que aprender isso?